terça-feira, 12 de abril de 2011

Golpe do baú

Meninas, depois não digam que não sou vosso amigo. Em tempos de crise...

(nalguns casos, se não em todos, vão ter de se livrar das mulherzinhas. Mas também, quem casa descasa.)

4 comentários:

Teresa I. disse...

Mas então... e giros, não há? Temos que nos contentar com o dinheirito? Ah, vida triste...

Borboleta disse...

Não há nenhum giro? Ou mais novo? Ahahah.

Pusinko disse...

Isso não é para as meninas. Isso é serviço público para todos verem as fronhas destes tipos. E a sem-vergonhice de quem lhes paga.....
Além disso o dinheiro não os faz mais bonitos.

Pedro disse...

Teresa: eu posso ficar com o dinheiro e tu com os giros, queres? :D

Borboleta: parece que é o que há...

Pusinko: pois não, mas com o dinheiro deles eu não me importava de ser o Quasimodo... mas Deus fez-me pobre e giro... :p