terça-feira, 29 de março de 2016

Não pergunto, já tenho fama de mau feitio suficiente (contudo, penso...)


As pessoas falam-me das suas vidas, dos encontros que têm e fico com a sensação que na verdade estão a descrever apenas um concurso de beleza, uma qualquer Miss Universo, Freixo-de-Espada-à-Cinta (para quem mando um grande beijinho), a concorrer não sei bem com quem (estou fora) e, novamente, qual matrona indiana, fico com vontade de perguntar apenas isto.




1 comentário:

Joana Oliveira disse...

E olha que as transmontanas são bem jeitosas! (E sim, sou de freixo de espada à cinta, sem ifens) ;)