sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Percebe-se logo...

que amanhã é dia de festa pela pouca quantidade de preservativos expostos nas prateleiras do supermercado.

E por falar nisso, já repararam no preço a que estão? Pensava que fosse o IVA que os encarecesse, mas não, taxados a 5%. Curioso é reparar que o preço de marca para marca é muito semelhante. Estaremos perante um cartel das preservateiras?

5 comentários:

Elanor-Niphredil disse...

estão pela hora da morte...um exagero... um dia os camionistas vão fazer um protesto e deixa de haver gasoil e camisetas...é um problema social lol...

beijoka

Adão disse...

Odeio o 14 de Fevereiro...

Formiguita Bipolar disse...

Lol!

Ontem lembrei-me de ti no supermercado por causa deste post! Passo eu no corredor dos preservativos e ponho-me a verificar as quantidades expostas ( onde, por acaso não havia menos do que o costume).

Em contrapartida passei numa florista e o espaço estava quase soterrado por tantos ramalhetes embrulhados em plástico e cheios de brilhantes e por tantos arranjos feios em cestos ainda mais feios.

(Também vi ramos bonitos, 2, à porta de uma florista de melhor gosto!)

:)

Mulheka disse...

Estão caros para Xuxu. Portugal deve querer ficar na linha da frente frente nos indices de natalidade e DST's!!!

Quem não pode comprar vai aos centros de saúde (espero eu) mas lá oferecem Zig Zag, que são uma merda.
Pior a emenda que o soneto!

Pedro disse...

Elanor: o problema é ser de saúde pública!

Adão: já te respondi...

Formiguita: Não sei se é muito bom lembrares-te por essas razões (tipo... o gajo gasta muitos, mas é um agarrado de primeira...)... mas fico sensibilizado..

Mulheka: são uma bela porcaria, apesar de serem para serem usados a torto e a direito...