quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Não foram os vizinhos, mas...

foi o fio que deu de si e estilhaçou um prato como estes, em faiança das Caldas, com um ramo de pessegueiro e respectivos pêssegos. O que me aborrece não é saber que custa no mercado entre 200 e 300 €, mas por saber que era de casa dos meus bisavós. A sorte foi nem eu nem o Diniz estarmos na cozinha nesse momento e a água do depósito da máquina do café, ainda que tenha derramado sobre fichas eléctricas, não ter provocado nenhum curto-circuito. Mesmo assim, estilhaçou outro semelhante, com peixes. O que seria uma boa desculpa para reformular a decoração da cozinha, mas haveria métodos menos violentos.


5 comentários:

David disse...

Queres que ligue para o "Querido Mudei a Casa"?

Maria Manuela disse...

Sei o quão aborrecido é partir-se algo que tanto estimamos. Mas não há nada a fazer. Meso que compres um igual, nunca será "aquele".

:(

JS disse...

Eu sou perita em partir o que não devo...

Um abraço*

Joana disse...

Métodos violentos... no "Extreme Makeover" americano eles deitam as casas abaixo para remodelações...
Tenho pena de teres ficado sem uma coisa que gostavas.
:/

altar disse...

Lá está... Vê antes a coisa pelo lado positivo: aproveita o desastre para substituir todos os fios orgânicos que tens a prender quadros e afins... Em precisando de ajuda profissional, já sabes com quem falar, certo?