segunda-feira, 4 de maio de 2009

Almoço em Família

Como sabem, eu não vejo muita televisão (pode ser que retome as sessões nocturnas de CSI - não as via porque o telecomando - que é uma palavra feia - da televisão de meu quarto deu o berro há uns tempos e só ontem o substituí.).
E isto a propósito do quê? Jantar de Dia da Mãe, família reunida, Avó presente. E a Mãe veio com a conversa de que há uma rapariga que tem aparecido em tudo o que é meio de comunicação, desde as manhãs do Goucha, programinha da Júlia (Pinheiro), aquele-que-dá-na-RTP1-que-eu não-sei-como-se- chama aos telejornais e tudo quanto há e que além de assumir a sua virgindade, pretende reunir em grupo outras como ela.
Pergunto eu, à mesa: - Então mas já foi assim a tanto lado e não houve ninguém que lhe resolvesse o problema?

Esta história faz-me lembrar aquela outra dos tempos de Faculdade. A C. minha companheira para tudo, pois além de frequentarmos o mesmo curso, morávamos muito perto e íamos juntos para a Faculdade. 3º ano, já toda a gente se conhecia bem, e a C. era conhecida por não ter papas na língua. Antes pelo contrário. E, como habitualmente, chegámos os dois juntos para aquela aula (também nos aconteceu de tudo, a passarmos por namorados, a sermos convidados a sair das aulas, tal era a risota - vá, mais a minha, que era bastante pronunciada). Já estavam as habituais meninas junto à sala, aquelas que nunca saem para o intervalo, que ficam na primeira fila (bem, nós ficávamos na segunda, mas não quer dizer que estivessemos sempre a prestar atenção...), que têm os apontamentos de todas as aulas (mas geralmente nunca têm as melhores notas). Pois a C. em alto e bom som (o átrio era comum a várias salas de aula) chega (triunfante, claro!) e diz:
- Olha, olha! O grupinho das virgens, estão cá todas!
O mau ambiente que ficou... não sei porquê!

11 comentários:

Formiguita Bipolar disse...

Já vi uma referência à dita miúda no blogue d' O Arrumadinho. Passa lá: está lá o endereço do blogue da "miúda".

David disse...

Isso são assuntos que se tenham à mesa?

Kapitão Kaus disse...

Estás a ficar muito maroto homem!!!!

Diabba disse...

Pra lhe resolver o problema às tantas já é preciso martelo pneumático, e isso nem toda a gente tem...

hihihihihi

enxofre

Only Words disse...

O que essa menina quer sei eu, mas não vou ser venenosa, nem tão pouco dizer que a moça deve ser uma grande doida!

Sei que não é política aqui do espaço aceitar homenagens, mas fica o gesto, que também conta ;) Vai lá ao meu cantinho!

Pedro disse...

Formiguita: já conhecia o dito da dita, tive de me informar convenientemente para escrever o post ;)

David: já foi durante o café...

Kapitão: eu sempre fui muito maroto!

Diabba: mas acho que há catálogos que vendem essas coisas...

Only: tu crês? ;) (E obrigado mais uma vez!)

Adão disse...

llllllllllloooooolllllllllll Ela também tem um blog... eu já estive lá a ler e a ver os comentários que por lá deixaram... e olha que há muitos candidatos a dar uma ajuda no assunto :P

Pedro disse...

Adão: tem, tem, mas nem olhei para os comentários...

Adão disse...

lololol devias Pedro... é aquilo que é mais interessante :P

MG disse...

Porque a pergunta era sobre "família", aqui está a tua resposta: El Niño está óptimo e a dona também.

;)

Bj

Pedro disse...

MG: :) e relativamente à festa do ano, arranjas convite?!? ;)